Fundado em 1939
FOTO CINE CLUBE BANDEIRANTE
Visite o site da Confederação Brasileira de Fotografia e Cinema
 
Declarado de utilidade pública estadual pela lei 839 de 14 de novembro de 1950
Cursos
Associe-se
Informativos
História
Exposições
Artigos
Tabelas de Revelação
Fotoclubes pelo Brasil
Descontos p/ sócios
Área dos sócios
FCBPress
Passeios Fotográficos
Concursos e Salões
Serviços
Eventos
Diretoria
Professores
Fale conosco

 

 

Passeios Fotográficos

Passeio Fotográfico Bandeirante -2015

Atibaia - SP

 

foto: Celso Vick

Atibaia - 23.07.2017

Sobre Atibaia: (wikipedia)

A história do município de Atibaia está diretamente ligada à atuação dos bandeirantes, desbravadores de terras virgens que lideravam pequenas comitivas exploradoras, em busca de índios e pedras preciosas. Partindo, em sua maioria, de São Paulo, o destino preferido era Minas Gerais e seus tesouros. Como a viagem era longa e árdua, exigia muitas paradas para descanso e reabastecimento. A primeira delas, ainda nas proximidades de São Paulo, ficava numa colina banhada por um rio, que os índios chamavam de tubaia ou atubaia (em língua indígena: "água agradável ao paladar").

Logo,um dos bandeirantes, exímio conhecedor da região e descendente de uma das mais conhecidas famílias da vila de São Paulo, Jerônimo de Camargo[12] fixou-se no local, fundando uma fazenda de gado e construindo uma pequena capela sob a invocação de São João Batista, inaugurada no dia 24 de junho de 1665, data que marcou a fundação do município. Vindo do sertão com um grupo de índios guarus catequizados, por ordem da Câmara Municipal de São Paulo, o padre Mateus Nunes de Siqueira instalou-os ao lado do sítio de São João Batista.

Nesse momento, o local fixou-se como parada obrigatória para quem seguia em direção a Minas Gerais e o povoado começou a desenvolver-se lentamente.

A capela passou a ser capela curada (ter padre próprio) em 1679. Em 1687, recebeu a visita do Padre Providencial, que celebrou missa na igrejinha.

Jerônimo de Camargo faleceu em Jundiaí, no início de 1707[13], porém seu trabalho teve sequência por meio de seus descendentes nas fazendas de gado, inclusive em relação à luta pela emancipação do vilarejo. Quarenta anos depois, por alvará de 13 de agosto de 1747, a aldeia tornou-se "freguesia" e assim nasceu o distrito de São João de Tybhaia (conforme a grafia da época).

Pouco mais de duas décadas mais tarde, a corte portuguesa elevou o distrito de Tibaia à categoria de vila e município, por portaria de 27 de junho de 1769. No ano seguinte, foi instalada a primeira Câmara Municipal, com grandes solenidades no levantamento do pelourinho. Independente e com administração própria, a vila progrediu rapidamente. De fato, em pouco tempo tornou-se uma espécie de celeiro da capital paulista, graças ao grande desenvolvimento da pecuária e da cultura de cereais, principalmente de trigo.

Pela Lei Provincial 26, em 22 de abril de 1864, recebeu o título de município. Em 20 de dezembro de 1905, pela Lei Estadual 675, o município de São João de Atibaia passou a denominar-se apenas Atibaia.

Uma sequência de grandes melhorias — como a instalação de redes de água, esgoto e luz elétrica, as inaugurações do Grupo Escolar José Alvim e do Hotel Municipal, a criação da primeira indústria têxtil, o alargamento das ruas, o ajardinamento das praças — vieram com a proclamação da república, com o início de uma fase de grande desenvolvimento de Atibaia, que mudaram significativamente o perfil da pobre vila de São João do Atibaia e deram origem à Atibaia que conhecemos hoje.

 

Sobre o passeio:

O passeio é aberto a todos independente de ser associado ou não do Foto Cine Clube Bandeirante e destinado a maiores de 12 anos em virtude da caminhada que devemos fazer.

Solicitamos a todos os participantes 2 quilos de alimentos não perecíveis que serão doados posteriomente a Casa Ninho (www.casaninho.com.br) de assistência a crianças com cancer.Os alimentos devem ser entregues no dia do passeio na sede do FCCB.

Roteiro:

Saída da sede do FCCB Rua Augusta 1108 as 8h30 do dia 23.07

Manha: Centro histórico Atibaia , Museu João Batista Conti, Incubadora Artistas onde faremos a troca de uma lata de leite (aos interessados) pelo livro "Poetica do Abandono" do fotógrafo e artista plastico Vitor Carvalho (da Incubadora de Artistas) (veja o livro clicando aqui)

Almoço: Villa Restaurante por volta das 13h

Tarde: OrquidárioTAKEBAYASHI (saiba mais clicando aqui)

Volta prevista para as 17 horas.

 

 

 

 

Passeio realizado com sucesso

 

 

Fotos dos participantes:

no grupo do clube no Facebook https://www.facebook.com/groups/123565622054/

 

 

 

 

 
 
Central de Atendimento - FCCB
Qualquer informação sobre o funcionamento do FCCB, cursos, associação : atendimento@fotoclub.art.br

  Design e construção - Webmaster

 

Destaques

. Entrevista com o Presidente do FCCB

Veja a entrevista com o presidente do Foto Cine Clube Bandeirante , José Luiz Pedro feita por Raul Feitosa para o FCBPress.

clique aqui